Skip to main content

A MICROplásticos e a Schneider Electric trabalham em conjunto para descarbonizar a cadeia de fornecimento

  • MICROplásticos anuncia o objetivo de se tornar ‘Carbono Zero’ até 2030, nos âmbitos 1 e 2;
  • A colaboração irá apoiar também a Schneider Electric no seu Projeto Carbono Zero, de descarbonização da cadeia de fornecimento (âmbito 3).
  • in MICROplásticos, 24-11-2022

MICROplásticos e o seu cliente de longo prazo Schneider Electric, anunciaram hoje esforços conjuntos para acelerar a descarbonização. A MICROplásticos, um produtor de plástico que opera em Portugal e na Polónia, anunciou publicamente que irá reduzir as suas emissões de gases com efeito de estufa em 88% já no ano de 2023 (âmbito 1 e 2, que correspondem às emissões directas das operações bem como as emissões geradas na produção de toda a energia consumida). Toda a energia comprada será 100% renovável já a partir de 2023, e até 2026 é previsto atingir 0tCO2 nas emissões móveis, tendo em vista o objectivo de se tornar Carbono Zero até 2030.

“Num mundo tão complicado, é obrigatório perceber que a transição para a neutralidade carbónica já não é uma opção. As empresas que investirem na neutralidade carbónica, vão melhorar a sua competitividade, reduzindo custos, retendo os seus melhores talentos, e estando mais perto de novas oportunidades de negócios com actuais e novos clientes”, disse Frederico Pais, Administrador da MICROplásticos.

A Schneider Electric lançou o ‘Projecto Zero Carbono’ em que se alia aos seus 1000 principais fornecedores para que reduzam as suas emissões de CO2 para metade até 2025. Enquanto fornecedor da Schneider Electric, a MICROplásticos tem demonstrado um grande empenho na descarbonização e está a trabalhar em conjunto com a Schneider Electric para desenvolverem uma estratégia de redução de carbono assim como um roteiro de referência.

Para a MICROplásticos “foi fundamental trabalhar em conjunto com a Schneider Electric, dado que eles nos ajudaram não apenas na estratégia completa para a neutralidade carbónica, como nas soluções a implementar”. A partir de agora, a neutralidade carbónica “fará parte da nossa cultura através de acções que reforcem o compromisso de todos os stakeholders”.

 

“É uma honra associarmo-nos com a MICROplásticos nos seus objectivos e se tornar líder na área de sustentabilidade e de atingir Carbono Zero até 2030”, disse Pasha Ponomarev, Head of EMEA Sustainability Business da Schneider Electric. “A MICROplásticos é um membro importante da nossa cadeia de fornecedores e estamos entusiasmados por trabalharmos em conjunto para descabonizar as nossas respectivas operações”.

 

https://www.microplasticos.pt/

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.