Skip to main content

Melhores Empresas para Trabalhar – PECOL

Estabilidade com futuro

Uma visão de longo prazo caracteriza esta empresa experiente em produtos de fixação, montagem e ferramentas elétricas. O desafio agora é manter as pessoas felizes e continuar a crescer

in Revista EXAME, texto por Andreia Fernandes Silva, Novembro 2019


A empresa de Águeda, que iniciou a sua atividade na venda de parafusos, está inserida num grupo empresarial, a PCL investimentos, que em 2018 gerou um volume de negócios na ordem dos 85 milhões de euros. Deste montante, cerca de 40% foram gerados com a contribuição da Pecol, unidade fundada em 1983 e que nos últimos anos diversificou o seu leque de produtos, incluindo no seu portefólio a comercialização de ferramentas elétricas.

António Novais, diretor-geral, não tem dúvidas de que o sucesso da Pecol tem como base a visão estratégica do seu fundador, Eduardo Coelho, e o empenho de todos os calaboradores. Em primeira linha, está a equipa de vendas, que não para de crescer com a contratação de pessoas mais jovens e também de comerciais mais experientes e conhecedores do território. Dinamismo e experiência fazem a diferença nesta organização em que não faltam bons exemplos de evolução interna. As oportunidades vão surgindo por convite, mediante a identificação de competências, mas também já houve situações de quem tenha ousado propor-se para novas funções e a sugestão tenha sido aproveitada. Tentar não custa e não sofre penalização.

EMPRESA AMIGA DA FAMÍLIA

Ter pessoas felizes é incluir também as suas famílias. Por esse motivo, os prémios de mérito não são apenas atribuídos à equipa: estendem-se aos filhos dos trabalhadores com as melhores notas académicas. “É uma forma de premiar o seu esforço com uma oferta que agrada muito aos mais novos”, revela Ana Milheirão, responsável pelos recursos humanos. Estes prémios podem ser um tablet ou uma trotineta, por exemplo, relembram os colaboradores. No Dia da Criança, os filhos vêm até às instalações da empresa para conhecer o local de trabalho dos pais.

Tendo a sustentabilidade ambiental como missão, a Pecol instalou 3 600 módulos solares, está a mudar o parque automóvel com veículos elétricos e terá oito postos de carregamento até ao final de 2019. Por ali também se faz o reaproveitamento de água de chuva, dos óleos usados e a unidade possui a sua própria estação de tratamento de resíduos. Utiliza iluminação LED, o plástico usado é de 30% reciclado, e as encomendas seguem agora em paletes de cartão que podem voltar a ser reutilizadas.

Os colaboradores são envolvidos em práticas sociais, como a reflorestação de uma zona ardida, o apoio aos bombeiros locais e a entrega de material e roupa de trabalho a empresas clientes devastadas por incêndios. A equipa Pecol demonstrou de novo a união na recolha de três toneladas de produtos de higiene para enviar para Moçambique, país onde já está envolvida na reconstrução de uma escola.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.