Skip to main content

Indústria automóvel. Estes são os quatro motores das exportações portuguesas

Para conhecer algumas das causas deste sucesso, o ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, visitou as quatro fábricas de automóveis em Portugal.

in Dinheiro Vivo, por Diogo Ferreira Nunes, 22-02-2020


A indústria automóvel dá emprego a mais de 75 mil pessoas em Portugal, entre as fabricantes de carros e de peças. Graças a isso, em 2019, esta indústria gerou 13,7 mil milhões de euros em volume de negócios, dos quais 97,8% corresponderam a exportações, no valor de 13,4 mil milhões de euros.

Estes números traduziram-se no recorde de exportações de componentes para automóveis, no valor de 9,75 mil milhões de euros, e também no recorde de produção de automóveis, com a montagem de 345 688 unidades.

Para conhecer algumas das causas deste sucesso, o ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, visitou as quatro fábricas de automóveis em Portugal na quinta e sexta-feira. Conheça, abaixo, os quatro motores da economia portuguesa.

Autoeuropa é a maior fábrica de automóveis portuguesa. (PAULO SPRANGER/Global Imagens)

Autoeuropa é a maior fábrica de automóveis portuguesa. (PAULO SPRANGER/Global Imagens)

Autoeuropa

Foi fundada em abril de 1995 e até há três anos apenas produzia modelos de nicho para o grupo Volkswagen, como descapotáveis e veículos familiares. É a maior fábrica de automóveis em Portugal e reforçou este estatuto nos últimos anos com a produção do modelo T-Roc, o primeiro veículo de larga escala da unidade de Palmela e que concentra quase todas as atenções.
Produção em 2019: 256 878 unidades (+16,3% face a 2018). Representou 74,3% da produção automóvel total.
Modelos fabricados: Volkswagen T-Roc; Volkswagen Sharan; Seat Alhambra
Trabalhadores: 5500
Localização: Palmela (Setúbal)

Fábrica da PSA Mangualde é a segunda maior de Portugal. (João Silva / Global Imagens )

Fábrica da PSA Mangualde é a segunda maior de Portugal. (João Silva / Global Imagens )

Peugeot-Citroën

Tornou-se conhecida pela produção de modelos citadinos como o “2 Cavalos” ou o AX, mas a fábrica da PSA (Peugeot-Citroën) tem conquistado protagonismo nos últimos anos por causa dos veículos ligeiros comerciais. Fundada em 1962, esta unidade de produção está ligada há mais de duas décadas ao complexo da PSA em Vigo.
Produção em 2019: A empresa fabricou 77 606 unidades no ano passado (+23% face a 2018).
Representou 22,4% da produção automóvel total.
Modelos fabricados: Citroën Berlingo; Peugeot Partner; Peugeot Rifter; Opel Combo.
Trabalhadores: 800
Localização: Mangualde (Viseu).

Mitsubishi Fuso localiza-se no Tramagal, concelho de Abrantes. (João Silva / Global Imagens )

Mitsubishi Fuso localiza-se no Tramagal, concelho de Abrantes. (João Silva / Global Imagens )

Mitsubishi FusoTruck

Desde 1964 que o Tramagal é conhecido pela sua fábrica de pesados. No início, fizeram-se os militares portugueses na Guerra Colonial; em 1980, a Mitsubishi comprou a fábrica, para produzir jipes e camiões para consumo doméstico. A exportação chegou em 1996. Desde 2005 que a empresa é controlada pela Daimler, a dona da Mercedes-Benz.
Produção em 2019: 8795 unidades (+6,8% face a 2018). Representou 2,5% da produção automóvel total. Também foram montadas 2241 unidades para os Estados Unidos, sem motor.
Modelos fabricados: Fuso Canter, Fuso e-Canter
Trabalhadores: 500
Localização: Tramagal (Santarém)

Fábrica da CaetanoBus divide-se entre Vila Nova de Gaia e Ovar. (João Silva / Global Imagens )

Fábrica da CaetanoBus divide-se entre Vila Nova de Gaia e Ovar. (João Silva / Global Imagens )

CaetanoBus

A CaetanoBus é a unidade de produção de carroçarias e autocarros do grupo Salvador Caetano. Começou em 1946, com a madeira como base, evoluiu para o metal na década de 1950 e exportou os primeiros autocarros em 1967. Além dos autocarros para turismo, as plataformas desenhadas em Gaia podem ser vistas em vários aeroportos na Europa.
Produção em 2019: 16 unidades (+33,3% face a 2018). Também foram montadas 622 unidades.
Modelos fabricados: miniautocarros e autocarros para turismo; autocarros urbanos; veículos para aeroportos; autocarros elétricos.
Trabalhadores: 1000
Localização: Vila Nova de Gaia (Porto) e Ovar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.