Skip to main content

TMG lidera projeto cofinanciado pelo COMPETE 2020: DeVOC

TMG lidera projeto cofinanciado pelo COMPETE 2020 que visa o desenvolvimento de novos produtos plastificados funcionais, mais verdes e sustentáveis, à base de PVC, e com baixas emissões de compostos orgânicos voláteis (VOCs), com aplicação na indústria automóvel e conexas.

in Compete 2020, por Cátia Silva Pinto, 16-06-2021


1. Testemunho de Alfredo Araújo, responsável interno do projeto e Coordenador do Lab2Fab da TMG Automotive

Alfredo Araújo | Responsável interno do projeto

A necessidade de redução das emissões de compostos orgânicos voláteis (VOCs) ou da percepção sensorial do “cheiro a carro novo” têm vindo a ganhar contornos cada vez mais relevantes um pouco por todo o mundo e, em particular, na China, onde tanto os consumidores como as entidades governamentais têm vindo a considerar estas questões como sendo prioritárias: por exemplo, o governo Chinês planeia e está a trabalhar há vários anos no lançamento de uma nova legislação para regular e controlar estas emissões.

A redução de cheiros e de emissões de VOCs a partir dos materiais à base de PVC que são utilizados no revestimento interior dos automóveis têm sido, e ao longo de vários anos, uma das mais fortes apostas da TMG Automotive e do seu departamento de ID&I. Desta forma, o projecto DeVOC pretende dar novos impulsos a estes objectivos, através do desenvolvimento de soluções técnicas inovadoras, seguras e sustentáveis, para a mitigação e resolução destas questões nos seus produtos. Assim, num futuro próximo e tendo por base o seu actual portefólio de produtos, a TMG Automotive pretende criar uma nova linha de produtos únicos no mercando que apresentem baixas emissões de VOCs e de cheiros. Apesar deste tipo de desenvolvimentos terem normalmente um time-to-market muito longo e/ou um investimento inicial por vezes bastante elevado, a TMG considera que estas estratégias e as soluções que estão a ser desenvolvidas serão certamente uma mais-valia e um elemento fortemente distintivo dos seus produtos neste mercado altamente competitivo e de elevada procura.

Para se atingirem estes objectivos tem sido fundamental a parceria estratégica de longa data estabelecida com a Universidade de Coimbra e com a PRODEQ-UC, nomeadamente através da colaboração técnico-científica com investigadores do Centro de Investigação em Engenharia dos Processos Químicos e dos Produtos da Floresta (CIEPQPF-UC), e a qual foi agora complementada com o projeto em copromoção DeVOC, e tendo para isso o apoio essencial do programa COMPETE 2020.

 

2. Apoio do COMPETE 2020

  • Apoiado pelo COMPETE 2020 no âmbito do Sistema de Incentivos à I&DT, na vertente em co-promoção, o projeto DeVOC envolveu um investimento elegível de cerca de 848 mil euros, correspondendo a um incentivo FEDER de cerca de 548 mil euros.

 

3. Links

 

(Diagrama de emissões de COVs (odoríferos ou não) das matrizes poliméricas)

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.