Skip to main content

Continental reforça lucros em 10%

O fabricante alemão de pneus, detentor de uma fábrica em Famalicão, elevou os seus resultados em 10% no trimestre, para mil milhões de euros antes de juros e impostos, e aumentou as previsões para o ano.

in Diário Económico, 07-05-2015

Pela terceira vez no ano, a Continental aumentou a sua previsão de vendas, anunciando ainda um reforço de 10% nos lucros (EBIT), ajudada pelos efeitos positivos das taxas de câmbio e pelos preços em baixa do petróleo.

Os lucros antes de juros e impostos correspondem a 11,4% das receitas no trimestre, igualando a margem de há um ano. Para o total de 2015, o fabricante alemão de pneus espera exceder “confortavelmente” os 10,5% de lucros.

De acordo com a Continental, as oscilações cambiais podem acrescentar 1.000 milhões de euros às vendas, enquanto os custos favoráveis na borracha e petróleo deverão permitir adicionar mais 150 milhões de euros. O CFO da companhia, Wolfgang Schaefer, destacou ainda o aumento da produção automóvel na Europa, o que beneficia os fabricantes de pneus montados de origem, sendo que a Continental equipa VW e BMW, entre outros.

Há uma semana, a empresa tinha aumentado a expectativa de receitas anuais para 38.500 milhões de euros, reforçando agora em 500 milhões.

Entre nós, os alemães detêm a fábrica Continental Pneus Portugal, sediada em Lousado (Vila Nova de Famalicão), no mesmo pólo da unidade industrial Continental Mabor – esta evoluiu da antiga Mabor (Manufactura Nacional de Borracha, criada em 1946), após os alemães adquirirem a maioria das operações em 1989 e mais tarde, em 1993, tomou a totalidade do capital.

A Continental Pneus é responsável pela comercialização em Portugal das marcas Continental, Barum, Mabor, Uniroyal, Gislaved, Semperit, Viking, Sportiva, Motrio, Point S e Eurotyte.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.