Skip to main content

Bosch Car Multimedia | No centro do futuro

Bosch Car Multimedia, em Braga, é um caso exemplar de sucesso em Portugal. Um sucesso apoiado na competência ao nível da produção mas também na Investigação e Desenvolvimento. E que se traduziu, em 2017, num crescimento de 49% nas vendas. Este resultado, tal como a empresa, não é de agora. Tem por trás toda uma história, também ela exemplar, contada aqui, em discurso directo, por Carlos Ribas, Representante da Bosch em Portugal e Administrador Técnico da Bosch em Braga.

in Revista Industrial Portugal Forum nº 2, 18-02-2019


Dos auto-rádios à Bosch Car Multimedia

É estratégica a presença da Bosch em Braga, para a região e também para o país. Portugal tem vindo a conquistar espaço no panorama da inovação e na área da tecnologia, muito devido ao trabalho desenvolvido pelas equipas desta unidade, que dão o seu contributo para projetos estratégicos e que definem de forma muito particular o futuro da mobilidade autónoma, segura, conectada e elétrica, a nível global.

Neste sentido, é preciso perceber a evolução desta unidade que começou por ser apenas de produção, aquando da sua inauguração em 1990 e ainda sob a designação de Blaupunkt. Nessa época, a atividade da empresa limitava- se à montagem de auto-rádios, mas já com um importante peso económico e social em toda a região bem como no país. A evolução do mercado automóvel e as exigências das construtoras a nível mundial obrigaram-nos a um primeiro realinhamento estratégico, tendo sido a empresa, outrora Blaupunkt, rebaptizada em 2009 como Bosch Car Multimedia Portugal, S.A.»

Uma empresa sempre em transformação e sempre mais tecnológica

Desde então, a empresa tem vindo a atravessar uma transformação permanente na aquisição de conhecimentos e competências específicas em domínios mais tecnológicos. Também os fabricantes automóveis, cada vez mais exigentes, começavam a procurar equipamentos de infotainment que dessem aos seus utilizadores mais do que meras funções básicas de um rádio e navegação.

Para além da necessidade de produção e apoio ao desenvolvimento deste tipo de sistemas, a Bosch Car Multimedia Portugal começou também a produzir e a desenvolver sensores da área de segurança, nomeadamente sensores de ângulo de direção que fornecem a informação necessária para atuação do ESP, que é o sistema de segurança que mais vidas salva a seguir ao cinto de segurança.

Outros produtos de grande sucesso produzido Bosch em Braga são os sistemas de instrumentação, razão pela qual as instalações têm vindo a ser ampliadas e a equipa continua a crescer de uma forma sustentada.»

3700 colaboradores e 84 milhões de investimento em 2018

O crescimento da empresa e as provas dadas da competência tanto a nível de produção como ao nível da Investigação e Desenvolvimento de novas soluções, tecnologias e produtos, permitiram um crescimento das vendas de 49% em 2017. A Bosch está no pódio das empresas portuguesas que mais exporta no país e é uma das maiores empregadoras, confirmando mais uma vez o papel estratégico que assume, sendo cada vez mais um parceiro estratégico para Portugal.

O sucesso desta unidade permitiu que fossem investidos 84 milhões de euros em 2018, nomeadamente na expansão das instalações. A par da expansão das suas instalações, a Bosch Car Multimedia Portugal inaugurou, em 2018, um novo Centro de Desenvolvimento e Tecnologia que consolida Portugal, e mais concretamente Braga, como um “coração para a condução autónoma e mobilidade do futuro”.Mas não é só no investimento que a Bosch em Braga se destaca. No que diz respeito ao número de colaboradores o registo é também relevante, contando já com mais de 3700 colaboradores, dos quais mais de 450 engenheiros que se dedicam ao desenvolvimento de soluções que contribuem para uma mobilidade mais segura, eficiente e confortável, a partir de Braga para o mundo.»

A maior parceria de inovação em Portugal

O trabalho realizado pelas várias equipas beneficia de um suporte que ultrapassa as instalações desta unidade e, nesse sentido, a Bosch Car Multimedia Portugal foi também pioneira. Em 2012, fruto da exigência para tecnologias cada vez mais avançadas, a Bosch e a Universidade do Minho assinaram aquela que viria a tornar-se na maior parceria de inovação em Portugal e uma das maiores parcerias entre indústria e academia da Europa.

Esta aposta no aproveitamento e rentabilização do conhecimento produzido pelas instituições académicas serviu posteriormente como exemplo e como mote para que outras empresas e outras instituições de ensino se associassem e estabelecessem sinergias que permitem hoje que Portugal seja uma referência na área da investigação e as suas universidades procuradas pela sua qualidade.

No que toca ao projeto propriamente dito entre Bosch e a Universidade do Minho, o mesmo conta já com duas fases concluídas e resultados reconhecidamente muito positivos. No total estiveram envolvidas mais de 800 pessoas, mais de 360 das quais novas contratações; e foram submetidas várias patentes, colocando, inclusivamente, a Bosch Car Multimedia Portugal na entidade que mais submissões de patentes fez em 2018, totalizando-se em 26.

Os sucessos alcançados nesta parceria motiva-nos a estabelecer desafios ainda mais ambiciosos. Novos projetos entre as duas instituições já se encontram em fase de candidatura e aprovação, e espera-se um investimento de 108 milhões de euros, que vai permitir a submissão de pelo menos 33 patentes para além da criação de um elevado número de novos produtos, através do envolvimento de mais de 950 pessoas, cerca de 450 das quais serão novas contratações.»

Sistemas para o futuro com ambição global

Por todas estas razões a Bosch Car Multimedia Portugal tem conquistado projetos de relevo a nível global e consolidado as suas competências no domínio da inovação, investigação e desenvolvimento. Prova disso é o envolvimento em projetos estratégicos para a mobilidade do futuro e a condução autónoma como o amplamente falado V2X, que permite a comunicação entre veículos e infraestruturas; e o sensor de movimento e posicionamento do veículo, que permite ultrapassar a falta de precisão dos sistemas de localização atuais. Equipas de engenheiros portugueses estiveram na criação destas soluções inovadoras.

Além disso, o sistema Mirror Cam, que irá substituir os atuais retrovisores exteriores dos camiões, também ele foi desenvolvido com o contributo da equipa da Bosch em Braga, e vai aumentar o nível de visibilidade de todo o veículo, a segurança e capacidade de manobra de quem conduz.

Por fim, o conhecimento e a experiência adquirida ao longo dos anos na produção de clusters para automóveis e outros veículos de quatro rodas permitiram que esta unidade conquistasse competências para o desenvolvimento das soluções mais inovadoras para os veículos de duas rodas.

A Bosch em Braga é, por isso, um verdadeiro centro tecnológico, capacitado para as exigências do futuro e responsável por traçar algumas das mais importantes linhas orientadoras para a mobilidade do futuro.»

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.