Skip to main content

Autoeuropa reorganizou produção devido ao incêndio na Dura

A VW Autoeuropa procedeu a uma alteração do ‘mix’ de produção diário, produzindo em maior quantidade os modelos VW Eos e VW Scirocco, ao contrário do que se verificava antes do incêndio na fábrica Duras Automotive, em que havia mais produção dos veículos maiores, designadamente do Volkswagen Sharan e Seat Alhambra.

in Diário Económico, por Sara Piteira Mota, 20-03-2015

No entanto, esta medida não foi suficiente, o que levou a VW Autoeuropa a parar a produção dia 9 de Março e depois 16 e 17 de Março.

“Para permitir que a cadeia de fornecedores da Volkswagen Autoeuropa continue a responder às alterações do ‘mix’ de produção, implementadas após o incêndio da Dura Automotive Systems, a empresa decidiu marcar os dias 16 e 17 de Março como dias de não produção”, referiu a empresa.

Esta medida preventiva destinou-se a assegurar a estabilidade do processo de produção da VW Autoeuropa, continuando assim a cumprir as expectativas dos clientes. A fábrica liderada por António de Melo Pires realça ainda que “a VW mantém relações de parceria de longo prazo com todos os fornecedores” e no que toca à “necessidade de marcar mais dias de não-produção, é prematuro, nesta fase do processo, avançar previsões”.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.